Oposição consegue adiar votação do zoneamento para 2016


A segunda votação do projeto de Lei de Uso e Ocupação do Solo (PL 272/2015), que trata do zoneamento da cidade, ficará para fevereiro de 2016.

O líder da bancada do PSDB na Câmara Municipal de São Paulo, vereador Andrea Matarazzo, conseguiu articular com outras bancadas e com o governo, que aceitou discutir mais o projeto.

“Foi uma vitória do trabalho da oposição e da sociedade. Prevaleceu o bom senso. Conseguimos convencer o governo a debater mais o projeto e considerar as mudanças que a população ainda está pedindo, como a não inclusão de Zonas Corredor nas Zonas Estritamente Residenciais”, explicou Matarazzo.

O projeto foi elaborado pela Prefeitura, passou por mais de 40 audiências públicas durante o segundo semestre, mas ainda gera polêmica entre moradores e comerciantes em diversas regiões da cidade.